Projeto Descubra Patrimônio Paracatuense é encerrado na Casa de Cultura

O evento também contou com os relatos das experiências vivenciadas[…]

Por: Carlos Lima (*)

Apresentações, café colonial e exposição marcaram o encerramento do Projeto Descubra Patrimônio Paracatuense. Foto: Carlos Lima

Paracatu (MG) – 07/10/2011 – A esperança de que a preservação do patrimônio histórico da “Atenas Mineira” – como já fora conhecida Paracatu em função de sua relevância econômica e cultural para o Estado – esteja nas mãos de crianças, adolescentes e jovens estudantes pôde ser vista através do que se chamou de Descubra Patrimônio Paracatuense, um dos projetos voltados para o desenvolvimento sustentável da cidade, e que objetivou conduzir os estudantes pelo Núcleo Histórico e educá-los sobre a importância da sua preservação.

Encenação trouxe à memória a história da fidalga Mariana Batista, que teria obtido tal tratamento após ter presenteado com um "cacho de banana de ouro" a Rainha de Portugal, Dona Maria I. Foto: Carlos Lima/APMOMG

O encerramento das atividades deu-se na manhã desta quinta-feira (6), na Casa de Cultura, onde estavam presentes a Secretária Municipal de Turismo, Indústria e Comércio, Sra. Eloísa Cunha, o Sr. José Eduardo Trevisan, Presidente da ADESP (Agência de Desenvolvimento Sustentável de Paracatu), instituição responsável pela gestão do projeto, a Sra. Gilcélia Cozensa, representante da mineradora Kinross Gold Corporation, que é parceira,  além representantes de outras secretarias municipais e de diretores e alunos das diversas escolas de Paracatu.

Diretora Maria Aparecida, da Escola Estadual Júlia Camargos, recebe placa de homenagem das mãos da Secretária Municipal de Turismo, Indústria e Comércio Heloísa Cunha. Foto: Carlos Lima/APMOMG

A cerimônia de conclusão do projeto contou com a encenação por parte de alunos da Escola Estadual Júlia Camargos, de peça teatral sobre a mulata fidalga Mariana Batista – conhecida, segundo a história, em que teria presenteado com um “cacho de banana de ouro” a Rainha de Portugal, Dona Maria I (“A Louca”) e em recompensa, teria obtido o tratamento de fidalga e como tal, poderia frequentar a Igreja de Sant’ana, então destinada aos brancos – e do recital, pelos alunos da Escola Municipal Joaquim Adjuto Botelho, da poesia “Paracatu pede passagem, de Lavoisier Wagner Albernaz (poeta paracatuense), ambas escolas participantes do projeto.

O arquivista Carlos Lima também deu seu depoimento sobre participação do Arquivo Público Municipal no projeto "Descubra Patrimônio Paracatuense". Foto: Acervo APMOMG

O evento também contou com os relatos das experiências vivenciadas pelo condutor Cleuton, da Associação dos Condutores de Turismo de Paracatu (ACONTUP) e do arquivista Carlos Lima, que com imagens das visitas guiadas ao Arquivo Público Municipal, explanou sobre o contato dos alunos com os documentos, a pesquisa e a preservação do meio ambiente. Logo após, houve as considerações também por parte dos organizadores e parceiros do projeto.

Aprendizado – Leia uma das redações que fizeram parte dos trabalhos de Educação Patrimonial do projeto e que estava na exposição que aconteceu durante o evento:

Redação da aluna Sarah Soares Barbosa cita o Arquivo Público de Paracatu. Foto/Reprodução: Carlos Lima/APMOMG

(*) Carlos Lima é graduado em Arquivologia pela Universidade Federal da Bahia (UFBa), é Pós-Graduado em Oracle, Java e Gerência de Projetos, é consultor em organização de arquivos e memória empresarial e exerce o cargo de Coordenador do Arquivo Público Municipal de Paracatu.

Atenção! Caso queira publicar esta matéria, cite o autor.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: