Documentos históricos da Câmara de Sabará podem ser consultados na Internet

A ideia traz como benefício direto o acesso rápido ao seu conteúdo

Por: cultura.mg.gov.br (*)

Sabará, em Minas Gerais: Documentos da Câmara Municipal disponíveis on-line no site do Arquivo Público Mineiro. Foto: Minas Gerais Turismo

Sabará (MG) – 13/01/2012 – O Arquivo Público Mineiro – APM disponibiliza na página do SIAAPM – Sistema Integrado de Acesso ao Arquivo Público Mineiro o módulo “Câmara Municipal de Sabará”. O novo conteúdo permite a pesquisa nos documentos produzidos pela instituição ao longo de suas atividades nos séculos XVIII e XIX. O acervo é formado por registros de testamentos, inventários e escrituras; lançamentos e arrecadações de impostos; registros de batismos e falecimentos; registros de patentes, de cartas de usança e de sesmarias; compra e venda de escravos, dentre outros.

Teconologia e memória: Documento de 1752, da Câmara Municipal de Sabará, em Minas Gerais. Fonte: Arquivo Público Mineiro

A ideia traz como benefício direto o acesso rápido ao seu conteúdo, o que facilita o trabalho de pesquisadores nas áreas de história e genealogia, por exemplo, além de permitir ao cidadão a busca por documentos para a comprovação de direitos.

Clique aqui para ir direto ao conteúdo da Câmara de Sabará no SIAAPM.

A importância dos documentos da Câmara de Sabará

No século XVIII, a descoberta e a exploração das riquezas minerais proporcionaram o surgimento de vários arraiais e lugarejos em Minas. Em 1711, foram criadas as primeiras vilas. Para ser instalada uma vila, a localidade deveria construir pelourinho, cadeia e casa para as sessões da Câmara e do Júri. As Câmaras Municipais eram responsáveis pela administração local. Foram criadas com o objetivo de garantir a execução dos projetos metropolitanos nos municípios e simbolizavam a estabilidade e a continuidade da administração.

O arraial de Sabará, surgido próximo a Roça Grande, no início do século XVIII, era o mais populoso de Minas. Em 1711, o governador Antônio de Albuquerque criou a Vila Real de Nossa Senhora da Conceição do Sabará, que foi elevada à categoria de cidade através da lei nº 93, de 6 de março de 1838. Portanto, todo esse acervo produzido desde então, encontra-se disponível, via APM, no site do SIAAPM.

(*) Publicado originalmente em 10/01/2012.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: