Remanescência quilombola em Paracatu é tema de defesa de tese em Uberlândia

Por: Carlos Lima (Arquivista)

Professor Paulo Sérgio (ao centro) e servidores do Arquivo Público de Paracatu. Foto: Acervo Arquivo Público de Paracatu/Out. 2011

Paracatu(MG) – 02/03/2012 – Intitulada Benditos Amaros – remanescentes quilombolas de Paracatu: memórias, lutas e práticas culturais (1940-2004), o historiador Paulo Sérgio Moreira da Silva (40 anos) defende sua tese de doutoramento na próxima sexta-feira (9) pelo programa de Pós Graduação em História da Universidade Federal de Uberlândia (UFU).

O também professor e pesquisador da cultura de Paracatu, já apresentou em 2005, pela mesma Universidade, dissertação de mestrado sobre a Caretagem, uma festa popular e religiosa realizada principalmente nos bairros da cidade durante o mês de junho.

Grupo de capoeira do quilombo do São Domingos, em Paracatu. Fonte: Associação Quilombola de São Domingos / Março/2011

Programe-se O que? Defesa de tese sobre Remanescentes Quilombolas de Paracatu

Quando? Sexta-feira (09 de março), às 14 horas

Onde? Universidade Federal de Uberlândia

Endereço: Programa de Pós Graduação em História

Av: João Naves de Ávila, nº 2121 – Bloco H, sala 1H48

Campus Santa Mônica – Santa Mônica – Uberlândia – MG

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: