Arquivo Público do Ceará recebe Certificado do Programa Memória do Mundo, da Unesco

Por: Coordenação de Comunicação da Secult/Sonara Capaverd (*)

Diretor do Arquivo Público do Ceará Márcio Porto passa às mãos do Secretário da Cultura Professor Pinheiro o certificado do Programa Memória do Mundo, da Unesco. Fonte: Cariri Notícia

Fortaleza (CE) – 06/07/2012 – Acervo documental do período do regime militar do Arquivo Público do Ceará, contendo mais de três mil documentos, foi destacado com o certificado “Fonds of the networks of information of the military regime in Brazil (1974-1985)” , pelo Programa Memória do Mundo da Unesco, durante Fórum de Arquivos Públicos Brasileiros, realizado na última semana no Rio de Janeiro.

O diretor do Arquivo Público, Márcio Porto, passou o Certificado às mãos do secretário da Cultura, Professor Pinheiro, nesta quinta-feira, 5, destacando a importância desse reconhecimento, que atesta o compromisso da Secretaria, por meio do Arquivo, em identificar e conservar essa documentação. De acordo com Márcio Porto, além do arquivo do Ceará, apenas outros sete estados têm esta certificação. O Programa da Unesco tem por objetivo identificar documentos ou conjuntos documentais considerados em situação de risco que tenham valor de patrimônio documental da humanidade. Estes são inseridos no Registro Internacional de Patrimônio Documental, a partir da aprovação por comitê internacional de especialistas.

Arquivo Público do Ceará no Solar Fernandes Vieira. Foto/Reprodução: G1 Ceará/Bom dia Ceará/Set. 2011

Para o secretário da Cultura, Francisco Pinheiro, este certificado é um reconhecimento pelo trabalho de identificação e conservação dessa massa documental que representa “parte importante do nosso passado e indispensável para compreensão da história”, destacou o secretário da Cultura. Pinheiro lembrou ainda, que com a Lei de Acesso à Informação essa massa documental, composta de documentos do antigo Dops, Polícia Federal, Serviço Estadual de Informações, entre outros, passa a ser de livre acesso a qualquer cidadão, independente de suas motivações. “É importante informar que este acervo está todo digitalizado e disponível no nosso Arquivo e também no Portal “Memórias Reveladas: As lutas políticas no Brasil (1964-1985), do Arquivo Nacional”, acrescentou o secretário.

(*) Publicado originalmente em 05/07/2012

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: